Atlético

ATLÉTICO

Contra o CSA, Atlético será comandado por auxiliar de Rodrigo Santana

Lucas Gonçalves assume o posto até a contratação de um novo treinador

postado em 14/10/2019 07:00

<i>(Foto: Bruno Cantini/Atlético)</i>
 
Parece filme repetido, mas o Atlético vai voltar a ser comandado por um treinador interino. Lucas Gonçalves, que era auxiliar, vai estar à frente da equipe na partida contra o CSA, quarta-feira, às 19h15, no estádio Rei Pelé, em Maceió, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ele substituirá o técnico Rodrigo Santana, demitido após a goleada sofrida para o Grêmio, por 4 a 1, no Independência.
 
A confirmação foi feita pelo diretor de futebol Rui Costa. O dirigente afirmou que Lucas vai viajar com a equipe para Maceió e estará à frente da equipe no duelo. 
 
“Nós vamos ter uma comissão técnica de caráter provisório, o Lucas Gonçalves permanece na equipe de trabalho. O Lucas tem um papel importante nisso porque conhece os jogadores, conhece todo o trabalho que vinha sendo feito”, disse o dirigente.
 
Antes de Lucas Gonçalves, o Atlético teve Thiago Larghi e o próprio Rodrigo Santana como interinos. Depois de um longo tempo e resultados satisfatórios, ambos foram efetivados. A tendência é de que, com o auxiliar técnico, as coisas aconteçam de forma diferente.
 
A diretoria promete se reunir nesta segunda-feira para tentar encontrar um novo treinador. “Nós vamos nos empenhar ao máximo para que esse profissional chegue o quanto antes, porque para nós passa a ter uma importância transcendental”, completou Rui Costa.
 
O trabalho da diretoria será buscar um treinador já nesta segunda-feira. Os nomes mais cotados são de Cuca, que deixou o São Paulo recentemente, e Odair Hellmann, demitido pelo Internacional na última semana. Para Rui Costa, o novo comandante precisa resgatar o caminho de vitórias no Atlético.
 
“Nós temos muito claro que é importante ser um profissional que entenda o momento que estamos vivendo. Temos que fazer uma leitura muito clara do mercado. Não é fácil contratar treinador nessa época do ano e um treinador que reúna condições para encarar um projeto como esse. Se já tivemos dificuldades quanto estivemos num momento bem menos desfavorável, agora é mais complicado. Vamos trazer um profissional que queira estar aqui conosco e aceite o desafio como o Rodrigo aceitou e que tenha, acima de tudo capacidade de identificar no nosso grupo as qualidades que esse grupo tem tido e resgatar o caminho das vitórias. No nosso clube temos que ganhar e é isso que estamos buscando”, concluiu.

Tags: lucas gonçalves csa seriea interiormg galo atlético