Atlético

ATLÉTICO

Presidente do Atlético diz que ajuda de parceiros em salário de Sampaoli não tem contrapartida: 'Doação'

Rubens Menin, Rafael Menin e Ricardo Guimarães ajudam clube a pagar treinador

postado em 04/06/2020 18:00 / atualizado em 04/06/2020 18:19

(Foto: EM/D.A Press)

O presidente Sérgio Sette Câmara explicou a composição do salário do técnico Jorge Sampaoli. De acordo com o mandatário do Atlético, o argentino recebe parte do clube e parte de conselheiros influentes do clube.

No entanto, uma novidade foi revelada por Sette Câmara. Em entrevista ao Globoesporte.com, o presidente do Atlético afirmou que não existem contrapartidas para o pagamento do salário de Sampaoli.

“É doação. É isso que eles estão fazendo. Assim como o terreno da Arena MRV, foi do Rubens Menin e da família Menin para o Atlético. São sempre doações da pessoa física. Quando vem do BMG ou da MRV é em patrocínio, nada mais do que isso”, disse Sette Câmara.

O pagamento de parte dos salários é feito por Rubens Menin, um dos sócios da MRV, Rafael Menin, que também é sócio da MRV e vice-presidente do Conselho Deliberativo, e Ricardo Guimarães, dono do Banco BMG.

O restante é de responsabilidade do alvinegro. O clube paga a Sampaoli exatamente a mesma quantia que pagava ao venezuelano Rafael Dudamel, que ficou pouco tempo no comando do clube neste ano.

Tags: galo atlético interiormg sampaoli sette câmara