Atlético

ATLÉTICO

Presidente do Atlético anuncia pagamento de outra dívida cobrada na Fifa

Clube quitou R$ 7,4 milhões devidos ao Spartak Moscou por Rafael Carioca

postado em 17/06/2020 21:56 / atualizado em 17/06/2020 22:23

(Foto: Bruno Cantini/Atlético)
O presidente do Atlético, Sérgio Sette Câmara, agitou as redes sociais na noite desta quarta-feira, para anunciar a quitação de mais uma dívida cobrada em ação na Fifa. Por meio do Twitter, o mandatário alvinegro informou que o clube acertou pendências com o Spartak Moscou, da Rússia, na compra dos direitos do volante Rafael Carioca. O valor pago pelo Galo foi superior a R$ 7,4 milhões, de acordo com o dirigente.

“Menos uma! Quitamos hoje, junto à FIFA, o pagamento referente ao atleta Rafael Carioca, ao Spartak de Moscou, no valor de R$7.427.188,19”, postou o presidente no microblog. Entre os comentários, o vice-presidente Lásaro Cândido da Cunha escreveu: ”A luta não é fácil”, seguido de emojis em forma de aplausos.



O pagamento da dívida ao Spartak Moscou é a segunda do Atlético em cobrança na Fifa. No mês passado, com ajuda de parceiros como MRV e Banco BMG, o clube alvinegro quitou o débito com a Udinese, da Itália, pela compra do meia-atacante Maicosuel, em 2014. O valor foi de R$ 13.454.328,54. Assim, o Galo se livrou, naquele momento, de futura punição imposta pela entidade máxima do futebol, que poderia ser perda de pontos na Série A do Brasileiro.

Depois de acertar as pendências sobre Maicosuel e Rafael Carioca, o Atlético ainda tem uma dívida a quitar pela compra dos direitos do lateral-esquerdo Douglas Santos. Ele chegou ao Galo em 2014, emprestado pela Udinese, para depois ser adquirido em definitivo, em meados de 2015, pelo valor de 2,9 milhões de euros. Em agosto de 2016, o alvinegro negociou o atleta com o Hamburgo, da Alemanha, por cerca de 7 milhões de euros. 

Assim como Douglas Santos, Rafael Carioca também chegou ao Galo em 2014 por empréstimo. O volante rapidamente caiu nas graças do torcedor e ganhou a condição de titular. Em meados de 2015, o Atlético comprou parte dos direitos econômicos do jogador por 1 milhão de euros. Em 2017, o meio-campista acertou com o Tigres, do México.

Tags: galo fifa dívida interiormg atléitco rafael carioca sérgio sette câmara Spartak Moscou