Atlético

CAMPEONATO BRASILEIRO

Atlético leva dois gols, mas vira sobre o Corinthians e mantém 100% no Brasileirão

Time mineiro conquistou segunda vitória em dois jogos na Série A

postado em 12/08/2020 21:11 / atualizado em 12/08/2020 21:57

(Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)
Parecia uma daquelas típicas noites de Corinthians: letal nas poucas finalizações e salvo por uma grande atuação do goleiro Cássio. Parecia. Porém, após levar 2 a 0 no primeiro tempo, o Atlético de Jorge Sampaoli foi avassalador na volta do intervalo. Aos 15 minutos, a equipe alvinegra já tinha virado para 3 a 2 - placar que persistiu até o fim no Mineirão, em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro.

Jô e Araos marcaram os gols dos visitantes. Na etapa final, Hyoran (duas vezes) e Nathan, num belo chute de fora da área, viraram o jogo para o Atlético.

Com a vitória, o time mineiro alcança os seis pontos e mantém o aproveitamento de 100%. Já o Corinthians, que estreou na competição nesta quarta-feira, está zerado.

As equipes voltam a campo pela terceira rodada da Série A neste fim de semana. No sábado, o Corinthians visita o Grêmio, na Arena, a partir das 19h. No domingo, o Atlético recebe o Ceará, no Mineirão, às 11h.

Jô desequilibra




No primeiro tempo, o Atlético teve números tipicamente apresentados por um time comandado por Jorge Sampaoli: 65% de posse de bola, três vezes mais finalizações (10 a três), mais que o dobro de passes trocados (279 a 126). Porém, o Corinthians foi superior na disputa que realmente importa - a do placar - e abriu 2 a 0.

Tudo graças a . Multicampeão com a camisa atleticana e artilheiro da histórica campanha do título da Copa Libertadores de 2013, o centroavante de 33 anos foi fundamental para o placar construído pelos visitantes na primeira etapa.

Aos 11’, de cabeça, abriu o placar após cruzamento de Araos: 1 a 0. A jogada se iniciou após erro do lateral-direito Guga, que tentou recuar a bola para o goleiro Rafael, mas não colocou força suficiente no passe.

(Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)

Aos 29’, Jô retribuiu a assistência para Araos. Em grande jogada coletiva do Corinthians, a bola passou pelos pés de Éderson e Mateus Vital antes de chegar ao centroavante, que rolou de calcanhar para o meia chileno, que bateu cruzado: 2 a 0.

Entre um gol e outro - e durante toda a primeira etapa -, o Atlético criou grandes oportunidades pelas pontas, mas esbarrou em grandes defesas do goleiro Cássio e na trave esquerda corintiana. Pesou a efetividade do time visitante na hora de concluir as jogadas.

Virada em 15 minutos



No segundo tempo, o Atlético mostrou toda a precisão nas finalizações que faltou na etapa inicial. Tanto que, em apenas 15 minutos da etapa final, a equipe mineira virou a partida.

Diante do placar negativo dos 45 minutos iniciais, Sampaoli colocou em campo Hyoran e Savarino nas vagas de Alan Franco e Marquinhos. E o meia acionado pelo treinador argentino deu resposta imediata, pouco depois de o Corinthians desperdiçar uma oportunidade clara.

Aos 6’, Guga recebeu dentro da área e cruzou para trás. Hyoran finalizou sem grande força, mas venceu Cássio: 2 a 1. Aos 10’, o meia fez o segundo após rebote do goleiro corintiano: 2 a 2. Aos 15’, foi a vez de Nathan acertar um belíssimo chute colocado. A bola bateu na trave e parou no fundo das redes: 3 a 2. Pouco depois, o meia deixou o gramado por conta de problemas físicos.

(Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)




Mesmo em vantagem, o Atlético não parou de atacar. Aos 27’, Réver marcou um belo gol, mas o lance foi invalidado por impedimento de Hyoran. Em seguida, mais um problema físico: Keno deixou o gramado para a entrada de Fábio Santos.

Daí em diante, o Atlético pouco sofreu. A principal oportunidade corintiana foi aos 45', mas Réver, em cima da linha, impediu o que seria o segundo gol de Jô. No fim das contas, triunfo atleticano por 3 a 2.

ATLÉTICO 3 X 2 CORINTHIANS


Atlético
Rafael; Guga, Réver, Junior Alonso e Guilherme Arana; Jair, Alan Franco (Hyoran, no intervalo) e Nathan (Allan, aos 19’ do 2ºT); Marquinhos (Savarino, no intervalo), Keno (Fábio Santos, aos 32’ do 2ºT) e Marrony (Marrony, aos 47' do 2ºT)
Técnico: Jorge Sampaoli

Corinthians
Cássio; Michel, Bruno Méndez, Danilo Avelar e Sidcley; Gabriel, Éderson (Gabriel Pereira, aos 19’ do 2ºT), Araos (Ruan, aos 30’ do 2ºT) e Ramiro (Janderson, aos 18’ do 2ºT); Mateus Vital (Cantillo, aos 20’ do 2ºT) e Jô
Técnico: Tiago Nunes

Gols: Hyoran, aos 6’ e aos 10’, e Nathan, aos 15’ do 2ºT (ATL); Jô, aos 11’, e Araos, aos 29’ do 1ºT (COR)
Cartão amarelo: Gabriel, aos 47' do 2ºT (COR)

Motivo: 2ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Mineirão, em Belo Horizonte
Data e horário: quarta-feira, 12 de agosto de 2020, às 19h15 (de Brasília)
Jogo ocorreu sem a presença de torcedores, como medida de segurança em função da pandemia do novo coronavírus

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (FIFA)
Assistentes: Luiz Claudio Regazone e Thiago Rosa de Oliveira
VAR: Rodrigo Nunes de Sá

Tags: galo brasileiro campeonato brasileiro brasileirao atleticomg interiormg futnacional corinthianssp seriea