Atlético

ATLÉTICO

Sérgio Coelho agradece apoio do Conselho do Atlético na contratação de Cuca

Presidente confia na escolha do treinador, rejeitado por parte da torcida, mas ressalta: 'O tempo será o senhor da razão'

postado em 05/03/2021 14:04 / atualizado em 05/03/2021 14:12

(Foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Em mensagem enviada aos conselheiros, o presidente do Atlético, Sérgio Coelho, agradeceu o apoio para a contratação do técnico Cuca, nesta sexta-feira. Antes do acerto, o retorno do técnico ao clube foi tratado com rejeição por parte da torcida devido à condenação dele em caso de violência sexual em 1987, na Suíça, em episódio conhecido como ‘Escândalo de Berna’. 

“Caros conselheiros e conselheiras, boa tarde. Depois de muita reflexão, e  conforme foi divulgado há pouco, anunciamos hoje a chegada do nosso novo técnico, o Cuca. Quero agradecer a todos que me ajudaram nessa decisão e, principalmente, o apoio que tenho recebido. Estou muito confiante de que fizemos a melhor escolha para o Clube. Mas o tempo, claro, será senhor da razão. Forte abraço, contem comigo”, escreveu o mandatário alvinegro. 

Campeão da Libertadores de 2013 com o Atlético, Cuca acertou contrato válido por duas temporadas para voltar à Cidade do GaloNo anúncio da contratação, o clube considerou que o assunto sobre o caso de Berna foi ‘superado’, já que o treinador alegou inocência em vídeo gravado ao lado da esposa e das filhas, nessa terça-feira. 

Antes do acerto, torcedores do Atlético fizeram um movimento nas redes sociais contra a contratação de Cuca. A hashtag #CucaNão figurou entre os assuntos mais comentados do Twitter algumas vezes nas últimas semanas. 

Em 1989, Cuca e outros três jogadores foram condenados por violência sexual contra pessoal vulnerável (com menos de 16 anos). Embora não tenha sido reconhecido pela garota, ele pegou 15 meses de prisão, mas não cumpriu a pena, já que o Brasil não extradita seus cidadãos. Em 2004, a possibilidade de execução expirou.


Tags: atlético cuca interiormg seriea