Atlético
1

ATLÉTICO

Cuca encara chance na Seleção com naturalidade, mas admite: "É um sonho"

Questionado sobre eventual convite no programa Bem, Amigos, técnico fala com reserva e exalta campanha vitoriosa no Brasileiro

postado em 07/12/2021 00:25 / atualizado em 07/12/2021 01:15

(Foto: Reprodução/Atlético/Twitter)

Um dos campeões brasileiros pelo Atlético convidados para o programa Bem, Amigos, do canal SporTV, nesta segunda-feira, comandado pelo apresentador e locutor Galvão Bueno, o técnico Cuca comentou sobre uma futura chance de comandar a Seleção Brasileira. Ele foi enfático e, mesmo admitindo ser um sonho para qualquer profissional, encarou com naturalidade eventual convite para dirigir a equipe 'canarinho' em campo. 

Cuca, que esteve nos estúdios da Globo Minas ao lado do atacante Hulk, destaque na conquista do bicampeonato brasileiro, e do diretor de futebol Rodrigo Caetano, foi perguntado sobre uma possível chance de assumir a Seleção depois da Copa do Mundo de 2022, no Catar, no lugar do técnico Tite. O comandante alvinegro, que também esteve ao lado da mãe, dona Nilde Stival, respondeu de forma reservada e contida, bem ao seu estilo. 

"Futebol é momento. para todos, é momento. Hoje é uma situação, amanhã muda completamente, a gente tem que entender e respeitar isso, para qualquer profissional", afirmou o treinador, que também exaltou a campanha do time campeão brasileiro, com números relevantes dentro e fora de casa. 

"Estou muito feliz com o desempenho que o Galo teve no campenato. Estamos com 84 pontos e podemos chegar a 87, ser o segundo maior time que pontuador nos pontos corridos, atrás só do Flamengo de 2019, do Jorge Jesus. A gente está muito feliz com tudo isso", frisou o treinador, que também foi campeão da Libertadores com o Galo, em 2013 e por muitos é considerado o principal técnico da história do clube.

Cuca, no entanto, admitiu que qualquer profissional tem como ápice no futebol chegar à Seleção Brasileira. "Lógico que o sonho de qualquer profissional, treinador, é a conquista maior, ser o comandante de uma seleção. Mas não tenho isso como utopia, vejo com muita naturalidade, estou muito feliz com os trabalhos que venho fazendo nos clubes e só tenho a agradecer por tudo o que Deus tem me presenteado na vida", comentou o reservado treinador alvinegro. 

Tags: galo cuca atleticomg interiormg futnacional galvão bueno selefut esportenatv bem amigos