Cruzeiro

CRUZEIRO

Presidente Gilvan vê Júlio Baptista perto do Cruzeiro e acordo deve ser de dois anos

Mandatário celeste está confiante em desfecho positivo na negociação com o armador

postado em 22/07/2013 20:45 / atualizado em 22/07/2013 21:21

Divulgação/Facebook

O Cruzeiro está prestes de fechar com o substituto de Diego Souza. O meia-atacante Júlio Baptista pode ser anunciado pelo clube nas próximas horas. O presidente celeste, Gilvan de Pinho Tavares, está confiante no acerto e revelou que a ideia é acertar com o jogador por dois anos. A previsão é que o atleta desembarque em Belo Horizonte na próxima sexta-feira.

”Ainda não está certo, mas está muito perto de acontecer. O Alexandre (diretor de futebol) foi para a Espanha e está tentando concretizar essa transação. Se der tudo certo, anunciamos amanhã (terça-feira). Agora é a negociação entre o Cruzeiro e o jogador, pois com o Málaga ele já resolveu tudo e até abriu mão de valores. Negociamos por um contrato de dois anos”, disse Gilvan ao Superesportes.

A vinda de Júlio Baptista para a Toca da Raposa foi noticiada pela Rádio Globo Minas na última semana. Porém, a indefinição se o atleta havia rescindido o contrato antes do fim da janela de transferências, no dia 20 de julho, colocou o negócio em xeque. Questionado, Gilvan explicou que o Cruzeiro fez questão de verificar a veracidade da rescisão para avançar nas tratativas.

"Uma das coisas que fez a gente pedir a ida do nosso diretor para a Espanha foi por causa da documentação. Fomos conferir se ele podia ser inscrito. Checamos se ele pode ser inscrito para o segundo semestre. Ele mostrou os documentos da rescisão”, completou Gilvan.

Direto da Espanha

Se depender da perspectiva do diretor Alexandre Mattos, que foi à Espanha, os detalhes salariais não serão empecilho para o desfecho positivo. Ele disse que o meio-campista deixou o encontro desta segunda-feira contente com a proposta celeste. “Eu diria que ele saiu da reunião muito satisfeito, assim como o Cruzeiro está satisfeito com aquilo que podemos alcançar, pelo que o Júlio Baptista pode representar tecnicamente, em termos de marketing e peso. Acredito que as coisas se encaminharão bem”, afirmou Mattos, em entrevista à Rádio Itatiaia.

O próximo passo da diretoria azul é acionar o departamento jurídico do clube para checar os documentos de rescisão de Júlio. Isso porque ele precisa ter acertado a sua rescisão contratual antes do último sábado. Caso contrário, a Fifa pode proibir a inscrição do jogador na CBF. O diretor celeste falou sobre o caso.

"Ele ainda não é jogador do Cruzeiro, vamos deixar isso claro. As coisas ainda precisam ser colocadas no papel. A documentação precisa ser observada pelo Cruzeiro. Na hora que estiver tudo ok, passaremos os detalhes”, finalizou.

Carreira

Júlio César Baptista foi revelado pelo São Paulo e tem longa trajetória na Europa. Em 2003/04, no Sevilla, primeiro clube no continente, ele se tornou ídolo dos torcedores locais e ganhou o apelido de “La Bestia”. Em seguida, passou por Real Madrid, Arsenal da Inglaterra e Roma da Itália.

No Málaga desde o final da temporada europeia 2010/11, Júlio Baptista, que usa a camisa 10, sofreu muito com lesões e fez  33 jogos.

Ele fez apenas 11 jogos no primeiro ano, com nove gols e três cartões amarelos. Na temporada 2011/12, Baptista disputou apenas quatro partidas, marcou um gol e recebeu uma advertência. Já na última, ele esteve em campo 18 vezes, com quatro gols marcados e três cartões amarelos recebidos.

Em 2010, o meio-campista foi convocado por Dunga para defender o Brasil na Copa de 2010, na África do Sul, e fez uma partida. Pela Seleção, ele conquistou duas vezes a Copa das Confederações (2005 e 2009) e a Copa América (2004 e 2007).

Em maio passado, o Internacional, agora treinado por Dunga, tentou, em vão, a contratação de Júlio Baptista junto ao Málaga.

Site oficial do Málaga