Atlético

ATLÉTICO

'Intuição': na 1ª vez em que não estudou cobrador, Cleiton, do Atlético, pega pênalti

Goleiro defendeu a cobrança de Pedro Castro, do Avaí, nesta segunda-feira

postado em 23/09/2019 21:29 / atualizado em 23/09/2019 23:58

<i>(Foto: Bruno Cantini/Atlético)</i>
Não é segredo para ninguém que finalizadores e goleiros estudam - e muito - os oponentes que enfrentarão em cobranças de pênalti. No caso dos que ali estão para impedir o gol, esse tipo de análise é ainda mais importante e frequente. Na noite desta segunda-feira, porém, Cleiton contrariou essa máxima na partida entre Atlético e Avaí.

Aos 34 minutos do primeiro tempo na Ressacada - quando o time alvinegro já perdia por 1 a 0, resultado que se manteve até o fim -, Pedro Castro teve a oportunidade de ampliar a vantagem. Cleiton pulou no canto esquerdo e impediu o gol do Avaí. Questionado sobre o lance, o jovem de 22 anos admitiu: confiou na intuição, já que não havia visto vídeos instrutivos passados pela comissão técnica sobre os cobradores de pênalti.

“Para ter uma ideia, todos os pênaltis que aconteceram até hoje, não peguei nenhum. E todos eles me passaram. Hoje, acabei não vendo esse pênalti, o batedor. E acabei pegando. Foi na intuição mesmo. Graças a Deus, pude ajudar a equipe”, disse ao SporTV ainda no intervalo da partida.

Foi o primeiro pênalti defendido por Cleiton como profissional com a camisa do Atlético. O goleiro - que substituiu Victor, em recuperação de tendinite no joelho esquerdo - se firmou na meta alvinegra e é titular da Seleção Brasileira Olímpica, que conta com atletas de até 23 anos.

Tags: atleticomg interiormg futnacional seriea galo cleiton