Atlético

ATLÉTICO

Na Sul-Americana, Atlético busca oitava final continental; relembre

Time alvinegro enfrenta Colón-ARG no jogo de volta da semifinal nesta quinta

postado em 26/09/2019 06:45

<i>(Foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)</i>
Atlético busca a oitava final de torneios continentais. Para isso, o time precisa eliminar o Colón-ARG na semifinal da Copa Sul-Americana. As equipes se enfrentam na partida de volta nesta quinta-feira, a partir das 21h30, no Mineirão.

Na partida de ida da semifinal, o Atlético perdeu por 2 a 1, no estádio Cemitério dos Elefantes, em Santa Fé, na Argentina. Para avançar, basta uma vitória sem levar gols. Se tiver a defesa vazada, o time alvinegro terá que ganhar por pelo menos dois gols de vantagem. Triunfo por 2 a 1 leva a decisão para os pênaltis. Qualquer outro placar dá a vaga ao Colón-ARG.

Das sete decisões disputadas, o Atlético venceu quatro: duas vezes a Copa Conmebol (1992 e 1997), a Copa Libertadores (2013) e a Recopa Sul-Americana (2014). O time alvinegro nunca chegou à final da Copa Sul-Americana.

Foram três derrotas: na Copa Ouro (1993), na Copa Conmebol (1995) e na Copa Master da Conmebol (1996).

Veja o histórico do Atlético em finais de torneios sul-americanos

Copa Conmebol de 1992 - O Atlético conquistou o primeiro título internacional em 1992, ao bater o Olimpia-PAR na decisão. No jogo de ida, vitória alvinegra por 2 a 0 no Mineirão. Na volta, derrota por 1 a 0 e taça conquistada.

Copa Ouro de 1993 - Campeão da Copa Conmebol de 1992, o Atlético disputou a Copa Ouro do ano seguinte ao lado de outras três equipes: São Paulo (campeão da Libertadores), Cruzeiro (campeão da Supercopa Libertadores) e Boca Juniors-ARG (campeão da Copa Master da Supercopa). Ou seja, o torneio começou já na fase semifinal. O Atlético eliminou o Cruzeiro nos pênaltis, após empate sem gols no tempo regulamentar. Na decisão, melhor para o Boca Juniors-ARG, que ficou com a taça.
  
Copa Conmebol de 1995 - O Atlético ficou próximo do bicampeonato da Copa Conmebol em 1995. Na partida de ida da decisão contra o Rosario Central-ARG, a goleada por 4 a 0 no Mineirão abriu o caminho para o título. Os argentinos, porém, devolveram o placar no duelo de volta e conquistaram a taça nos pênaltis.

Copa Master da Conmebol de 1996 - Campeão da Copa Conmebol de 1992, o Atlético se credenciou a disputar a competição continental. O torneio já começou na fase semifinal e contou com outras três equipes: São Paulo, Botafogo e Rosario Central-ARG. No jogo único da semifinal, o time alvinegro bateu o argentino por 10 a 9 nos pênaltis, após empate sem gols no tempo regulamentar. Na decisão, os paulistas venceram por 3 a 0. Curiosamente, todos os jogos do torneio foram disputados no estádio José Fragelli, o Verdão, em Cuiabá, capital do Matro Grosso.

Copa Conmebol de 1997 - O Atlético conquistou o bicampeonato dois anos após a frustrante queda diante do Rosario Central-ARG. Na ida da decisão, o time alvinegro bateu o Lanús-ARG por 4 a 1 fora de casa. Na volta, o empate por 1 a 1 no Mineirão garantiu a taça aos brasileiros.

Copa Libertadores de 2013 - Na primeira vez que chegou à final do principal torneio continental, o Atlético conquistou o título. Na partida de ida, derrota por 2 a 0 para o Olimpia-PAR, no Paraguai. No Mineirão, o time alvinegro devolveu o placar. Na prorrogação, nada de gols. Nos pênaltis, triunfo dos donos da casa e taça garantida.

Recopa Sul-Americana de 2014 - Campeão da Libertadores do ano anterior, o Atlético se credenciou à disputa da Recopa Sul-Americana de 2014 contra o Lanús-ARG, que havia conquistado a Copa Sul-Americana de 2013. No jogo de ida, o time alvinegro venceu por 1 a 0 na Argentina. Na volta, os argentinos venceram por 3 a 2 no tempo regulamentar. Na prorrogação, o Atlético fez dois gols, virou para 4 a 3 e ficou com a taça.

Só no DAZN

A partida decisiva será transmitida com exclusividade pelo DAZN. Novos assinantes da plataforma de streaming podem experimentar conteúdos por 30 dias.


Novos assinantes terão um mês de acesso grátis, e o cancelamento pode ser feito a qualquer momento. Do segundo mês em diante, o custo mensal é de R$ 37,90, sem contrato de fidelização.

Durante esse período de degustação do DAZN, o torcedor poderá fazer o cancelamento da assinatura, de modo impedir a cobrança automática a partir do segundo mês.

 
 

Tags: colon sulamericana galo seriea futnacional interiormg atleticomg