Atlético

ATLÉTICO

Após reunião de cobrança com diretoria do Atlético, organizadas fazem pacto pelo time no Brasileiro

Presidente Sérgio Sette Câmara e diretor de futebol Rui Costa receberam integrantes de dez organizadas do Atlético

postado em 02/10/2019 16:40 / atualizado em 02/10/2019 17:02

<i>(Foto: Reprodução/Galoudura)</i>

Nos últimos cinco jogos no Campeonato Brasileiro, o Atlético somou quatro derrotas e apenas uma vitória. Na Copa Sul-Americana, o Galo foi eliminado nas semifinais pelo Colón, da Argentina. Por conta do momento instável do time, integrantes de dez torcidas organizadas fizeram uma reunião de cobrança nesta quarta-feira com o presidente Sérgio Sette Câmara e o diretor de futebol Rui Costa. Eles exigiram mais comprometimento dos jogadores com o clube.

Estiveram representadas as seguintes torcidas: Associação Unidos Pelo Galo, Galoucura, Movimento 105, Galo Metal, Fúria Alvinegra, Movimento Velha Brigada, Camisa 13, Uniformizadas, Dragões da F.A.O e Força Jovem Atleticana.

Em conversa com a diretoria, os líderes das organizadas colocaram em pauta reclamações e reivindicações sobre o elenco do Atlético. Depois do encontro, os torcedores anunciaram um pacto de apoio ao time na reta final do Campeonato Brasileiro, mas prometeram cobrar comprometimento dos jogadores.

Insatisfeitas com o momento do time, várias torcidas organizadas do Atlético já haviam promovido na semana passada uma campanha que pedia “público zero” na partida contra o Ceará, no domingo, pela 22ª rodada do Brasileirão. De fato, o Independência foi esvaziado e registrou apenas 6.131 torcedores, o sétimo pior público do clube no estádio desde 2012. A arrecadação foi de R$ 47.121,00. Em campo, a equipe venceu por 2 a 1, de virada, e amenizou a pressão externa.

Nesta quarta-feira, o Atlético volta a campo contra o Vasco, às 19h15, no Independência, em jogo atrasado da 21ª rodada. Diferentemente da última partida, a Galoucura e outras organizadas confirmaram presença nas arquibancadas.

Setor de relacionamento com torcidas

Em nota, o Atlético informou que a reunião teve "clima de absoluto respeito e cooperação", com "os torcedores fazendo todas as cobranças, críticas e sugestões que estavam na pauta". Ainda segundo o clube, o objetivo do encontro foi "abrir um canal de comunicação com os torcedores". "No final, ficou bem claro que a intenção de todos, torcida e diretoria, é o bem do Atlético e a certeza de que a Massa é o maior patrimônio do clube", destacou o comunicado.
 
Nota do Atlético sobre a reunião com as torcidas organizadas:

O presidente, Sérgio Sette Câmara e o diretor de futebol, Rui Costa, se reuniram nesta quarta-feira (2), na sede de Lourdes, com representantes de torcidas atleticanas. O objetivo do encontro foi abrir um canal de comunicação com os torcedores, além de colher impressões e sugestões que possam colaborar com a gestão do clube e do departamento de futebol.  

Durante a reunião, os dirigentes explicaram a situação atual do Atlético e puderam ouvir as cobranças e reclamações que vem da torcida. Entre os pontos abordados, a necessidade e importância da existência de um foro adequado para se dar voz ao torcedor, já que atos como invasão do centro de treinamento e ameaças aos atletas e funcionários, como tem ocorrido nos últimos dias em outros clubes, merecem total repúdio e são inaceitáveis. 

Estiveram presentes na reunião, representantes da Associação Unidos Pelo Galo, Galoucura, Movimento 105, Galo Metal, Fúria Alvinegra, Movimento Velha Brigada, Camisa 13, Uniformizadas, Dragões da F.A.O, Força Jovem Atleticana. O clima foi de absoluto respeito e de cooperação, com os torcedores fazendo todas as cobranças, críticas e sugestões que estavam na pauta.

No final, ficou bem claro que a intenção de todos, torcida e diretoria, é o bem do Atlético e a certeza de que a Massa é o maior patrimônio do clube.

Da reunião desta quarta, ficou definido que o clube irá criar um setor específico para promover o relacionamento com o torcedor atleticano.

Confira na íntegra a nota da Torcida Organizada Galoucura:
 
“Mediante os últimos resultados e desclassificação na Sul americana, tivemos uma reunião hoje com o Presidente Sette Câmara e o Diretor Rui Costa, reunião esta para cobrar empenho e algumas explicações para os últimos resultados do elenco. Essa reunião contou com os líderes das organizadas do Atlético, onde tivemos em pauta com algumas reclamações e algumas reivindicações para esse elenco do Galo.

Colocamos um voto de confiança na diretoria e fechamos um pacto de apoio ao time, em contrapartida haverá uma cobrança pesada em cima do elenco, para que até o final do ano eles apresentem comprometimento e obtenham resultados positivos.

Foi garantido pelo Presidente empenho e dedicação da equipe, sendo assim fechamos que voltaremos para a bancada, onde vamos fazer nosso papel que é apoiar o Atlético, contamos com o apoio de todos e vamos colocar o Atlético Mineiro no seu devido lugar.

Hoje a famosa Galoucura estará no seu lugar de costume, cantando, apoiando, empurrando, fazendo o seu papel que é apoiar o Atlético, seguimos firmes rumo aos objetivos”.

Tags: Rui Costa Sérgio Sette Câmara torcidas organizadas brasileiro atleticomg interiormg seriea