Atlético

ATLÉTICO

Mancini valoriza empate do Atlético com Bahia: 'É um ponto importante'

Time alvinegro luta para deixar para trás chance de rebaixamento no Brasileiro

postado em 28/11/2019 00:11 / atualizado em 28/11/2019 02:00

(Foto: Bruno Cantini/Atlético)
Após sair na frente na Fonte Nova, o Atlético levou gol do Bahia e ficou no empate por 1 a 1 nesta quarta-feira, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Para o técnico Vagner Mancini, o ponto foi importante para o time alvinegro na luta para afastar qualquer possibilidade de rebaixamento à Série B.

“A gente leva um ponto importante. É óbvio que nós viemos aqui para vencer o Bahia, mas nós entendemos que do outro lado tem uma equipe bem montada, organizada, que dificultou. Então, é um ponto que, nessa situação do campeonato, é importante”, disse o treinador.

O Atlético ocupa a 14ª colocação, com 42 pontos - seis a mais que o Cruzeiro, primeiro time da zona de rebaixamento. Ainda há chances matemáticas de o time alvinegro ser rebaixado. Mancini acredita que essa possibilidade de queda à Série B tem gerado ansiedade nos jogadores.

“Isso gera ansiedade. É lógico que o time numa situação de vencer partidas. No jogo de domingo (derrota por 1 a 0 para o Athletico-PR), a gente esteve muito perto da vitória e acabou sendo derrotado. Hoje (quarta-feira, contra o Bahia), a gente saiu na frente. Então, isso gera uma certa ansiedade, que cada um administra de uma forma”, disse.



O jogo



No primeiro tempo, Atlético e Bahia fizeram um jogo equilibrado. O time alvinegro até teve mais posse de bola, mas pouco criou. Já os donos da casa tiveram as melhores oportunidades de abrir o placar, mas não conseguiram.

Na etapa complementar, Cazares marcou para o Atlético. Depois disso, o Bahia, que já jogava melhor desde o início do segundo tempo, pressionou e empatou com Élber. Os donos da casa seguiram em cima, mas não conseguiram a virada.

Ao analisar o jogo, Vagner Mancini lamentou o fato de o Atlético não ter conseguido segurar a vitória. “O que a gente lamenta é ter saído na frente e não ter segurado o resultado ou ampliado o marcador. Após o gol, tivemos uns quatro, cinco lances de contra-ataque em que se tomássemos melhor a decisão, certamente a gente teria chance de fazer o segundo gol. Vi um Atlético jogando bem no primeiro tempo. O segundo tempo ficou abaixo do que o Atlético pode jogar e do que a gente espera”, avaliou.

O time alvinegro, agora, tenta conquistar em casa os pontos necessários para se livrar do descenso.

Neste domingo, o Atlético recebe o Corinthians, a partir das 18h, no Independência. Na quarta-feira seguinte, às 19h30, o Mineirão, o adversário será o Botafogo. Depois, o time visita o Internacional, no dia 8 de dezembro (domingo), às 16h, no Beira-Rio, pela última rodada do Campeonato Brasileiro.

Tags: galo atleticomg interiormg futnacional seriea