Atlético

ATLÉTICO

Por vacina, Atlético manda elenco quase todo ao Paraguai; dois não viajam

Savarino e Bueno ficam em Belo Horizonte por 'questões pessoais', segundo o clube; Galo enfrenta Cerro Porteño-PAR nesta quarta-feira

postado em 17/05/2021 17:36 / atualizado em 17/05/2021 18:37

(Foto: Divulgação/Atlético)

O Atlético decidiu mandar o elenco quase completo a Assunção, capital do Paraguai, nesta segunda-feira, para aproveitar as doses da vacina contra COVID-19 oferecidas pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol).

Segundo o clube, 34 jogadores viajam ao país vizinho, local da partida desta quarta-feira contra o Cerro Porteño-PAR, pela Copa Libertadores. As exceções no elenco são o zagueiro Bueno e o atacante Jefferson Savarino, que, também de acordo com o Atlético, ficam em Belo Horizonte por 'questões pessoais'.

Geralmente, o número de jogadores que integram a delegação em jogos fora do país é menor. Na última semana, por exemplo, o clube mandou 26 atletas a Barranquilla, na Colômbia, onde o Galo venceu o América de Cáli-COL por 3 a 1, também pela Libertadores.

Nesta segunda-feira, o Atlético anunciou ter aceitado a oferta da Conmebol de vacinar todos os integrantes da delegação em Assunção. "As vacinas são exclusivamente destinadas aos clubes que disputam as competições da Conmebol. Não há motivo para não aproveitar esta oportunidade”, disse o presidente alvinegro, Sérgio Coelho.

O Atlético viaja a Assunção nesta segunda-feira. De acordo com o clube, as doses do imunizante serão aplicadas na quarta, dia do jogo contra o Cerro Porteño-PAR. A bola rola às 21h, na 'Nueva Olla Azulgrana', pela quinta rodada do Grupo H.
 
A Conmebol recebeu 50 mil doses doadas pelo laboratório chinês Sinovac Biotech. O imunizante começou a ser aplicado no fim de abril em delegações de clubes que participam da Copa Libertadores e da Copa Sul-Americana.

Tags: galo vacina atleticomg interiormg futnacional seriea libertadores2021