Atlético

ATLÉTICO

Atlético: Cuca torce por recuperação de Diego Costa antes de decisão em BH

Atacante do Galo sentiu dores musculares na coxa esquerda e vai passar por exames para saber se houve lesão

(Foto: Staff Images/Conmebol)


A contusão muscular de Diego Costa preocupa o técnico Cuca. O jogador deixou a partida de ida da semifinal da Copa Libertadores, contra o Palmeiras, no Allianz Parque, com dores na parte posterior da coxa esquerda. Ele foi substituído e assistiu o restante do empate por 0 a 0 do banco de reservas. 
 
O técnico Cuca lamentou a possível ausência do jogador na partida de volta na próxima terça-feira, às 21h30, no Mineirão. O treinador torce para que os exames não indiquem lesão muscular de Diego Costa. Desta forma, ele poderia ser opção para o duelo que valerá vaga na final da Copa Libertadores.
 
"Perdemos o Diego, a princípio, pois não sabemos o que acontece daqui uma semana. Uma semana no futebol é muito tempo. Vamos esperar o desenrolar do departamento médico para ver se a gente recupera, porque ele é peça importantíssima para nós", disse o treinador.
 
Em eventual ausência do atacante, Cuca pode alterar a forma do Atlético jogar em campo. Uma das mudanças pode ser o estilo de marcação da equipe sem a bola, como o próprio treinador afirmou na entrevista.
 
"Sempre jogamos assim (com marcação pressão e intensidade), não mudamos uma vírgula do que vínhamos fazendo. Podemos mudar para terça", completou.
 
Caso não tenha Diego Costa para a partida decisiva, o técnico Cuca terá três opções para escolher o substituto do atacante: Keno, Eduardo Vargas e Eduardo Sasha. Os três foram acionados no jogo no Allianz Parque, mas todos tiveram pouca participação ofensiva.
 
Com o empate sem gols fora de casa, o Atlético precisará da vitória no Mineirão para voltar a uma final de Copa Libertadores. Em caso de novo 0 a 0, a decisão da vaga será nos pênaltis. Qualquer outro resultado dá ao time paulista a classificação.

Tags: atlético palmeiras atleticomg palmeirassp libertadores2021