Atlético
1

EXPECTATIVA PELO BI

Atleticana: 'Tem quem busque emoção no Hopi Hari, a gente torce pro Galo'

Mesmo com larga vantagem no 1º lugar do Brasileirão, o bicampeonato atleticano pode vir com sofrimento, após gol flamenguista no início do duelo contra Ceará

postado em 30/11/2021 21:16 / atualizado em 30/11/2021 22:30

(Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A.Press)
“Tem gente que, em busca de emoção, vai ao Hopi Hari ou ao Beto Carreiro. A gente torce para o Galo”. Com essa vibração, resumida por uma torcedora, atleticanos enchem bares da Região Centro-Sul de Belo Horizonte na esperança de ver o título antecipado do Campeonato Brasileiro na noite desta terça-feira (30/11). Nem a chuva nem o gol precoce do Flamengo contra o Ceará desanimaram os alvinegros.
 
 
 
(Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A.Press)
O bicampeonato atleticano será concretizado com um empate ou uma derrota dos cariocas no duelo ante os cearenses, disputado no Maracanã. Mas, mesmo se não vier hoje, a confiança e o apoio continuarão inabaláveis. “Já combinamos de voltar na quinta-feira”, garante Laís Martins, atleticana autora da frase que abre esta reportagem.

Ela estava com os amigos Eduarda Lima, Augusto Jesus, Raul Guilherme, Laís Martins e Daniel Mucci no bar Devotos, tradicional reduto alvinegro. Assim como o grupo, os atleticanos no estabelecimento vibraram com o gol de empate do Ceará, aos 26 minutos do segundo tempo. 
  
(Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A.Press)
“Conversei com os amigos e foi unanimidade: não podíamos estar em campo no dia em que o Galo pode ser campeão Brasileiro. Então viemos para comemorar. Mas, se não der hoje, será na quinta-feira”, diz a analista de marketing Débora Araújo, que fez reserva para 12 pessoas na parte interna do bar e diante do telão, antes do tento cearense.

(Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A.Press)
Em lances que o time cearense ameaçava o rubro-negro, os atleticanos ficaravam alvoroçados nas mesas. Com a chuva, muitos ficaram em pé para não perder nenhum lance. O grito de Galo foi entoado várias vezes. 

Tags: Brasileirão bares bicampeonato atleticomg