Cruzeiro

CRUZEIRO

Cruzeiro fracassa em Copas de 2019 e terá que manter reação no Brasileiro por 2020 melhor

Próximo desafio do Cruzeiro no Brasileirão será no domingo, contra o Grêmio

postado em 05/09/2019 06:30 / atualizado em 05/09/2019 16:50

<i>(Foto: EDU PEIXOTO/MYPHOTO PRESS/ESTADAO CONTEUDO )</i>
Assim como em 2017 e 2018, o Cruzeiro elegeu as 'Copas' como suas prioridades em 2019. Mas, diferentemente das temporadas anteriores, em que faturou o bicampeonato da Copa do Brasil, as expectativas não se confirmaram. Depois de cair para o River Plate nas oitavas de final da Copa Libertadores, ainda na ‘era Mano Menezes’, o time foi eliminado nesta quarta-feira na semifinal da Copa do Brasil, pelo Internacional, após ser goleado por 3 a 0 no Beira-Rio. 

Agora, caberá ao clube, sob o comando de Rogério Ceni, manter a reação no Campeonato Brasileiro para se afastar definitivamente da zona de rebaixamento. Nos últimos três jogos, o time conquistou duas vitórias e um empate. O Cruzeiro é o 16º colocado, com 18 pontos, quatro a mais que a Chapecoense, primeiro time do Z4.

"As copas acabam e o campeonato continua até dezembro. E o clube tem que se manter firme para sair dessa situação. Estava em 18º, hoje já se encontra em 16º, tentando subir. Tem que ter forças, juntar as forças, para subir”, disse o técnico Rogério Ceni.

Cruzeiro tem 21 rodadas para alcançar ao menos 45 pontos. Essa é a pontuação considerada segura para garantir a permanência na Série A em 2020. O aproveitamento necessário na reta final seria de 42,85%. O rendimento até a 17ª rodada foi de 33%.

Ao menos por enquanto, o sonho do torcedor de ver o Cruzeiro na Copa Libertadores do próximo ano parece muito distante. Terminar entre os seis primeiros no Brasileiro exigiria um desempenho bastante superior.

A vaga continental mais palpável para o Cruzeiro em 2020 é na Copa Sul-Americana. O Brasileiro credencia seis clubes ao torneio do próximo ano: do sétimo ao 12º colocado.



O próximo desafio do Cruzeiro no Brasileirão será no domingo, às 11h, contra o Grêmio, no Independência. Coincidentemente, o duelo coloca frente a frente dois semifinalistas eliminados da Copa do Brasil. Também nessa quarta-feira, o Tricolor foi batido pelo Athletico Paranaense por 2 a 0 no tempo normal e por 5 a 4 nos pênaltis.

Em seguida, os confrontos não serão menos complicados. No dia 14, o Cruzeiro visitará o Palmeiras, em São Paulo. Já no dia 21, receberá o Flamengo, atual líder da Série A.

"No Brasileiro nós temos que continuar. Viemos de três jogos, com duas vitórias e um empate. É o principal para o Cruzeiro, tentar se reerguer. São confrontos difíceis, agora contra Grêmio, Palmeiras e Flamengo. Nós temos que estar junto e continuar", completou Ceni.

O meia Thiago Neves destaca que o Cruzeiro ao menos terá tempo para se preparar para essa sequência no Brasileiro depois de caminhadas frustradas na Libertadores e na Copa do Brasil. “Agora, é foco total no Brasileiro. A gente tem aí três semanas só jogando no fim de semana, vai dar para o Rogério Ceni trabalhar bem durante essas semanas, muita coisa que ele quer melhorar, que a gente precisa acertar. Ele vai ter tempo. Domingo já é decisão contra um time que é um dos melhores no futebol brasileiro (Grêmio). A gente precisa ganhar, só que agora a gente vai ter tempo para trabalhar, tempo para organizar muita coisa e ficar focado só no Campeonato Brasileiro”.


8/9 - Cruzeiro x Grêmio

14/9 - Palmeiras x Cruzeiro

21/9 - Cruzeiro x Flamengo

25/9 - Ceará x Cruzeiro

29/9 - Goiás x Cruzeiro

06/10 - Cruzeiro x Internacional

9/10 - Cruzeiro x Fluminense

13/10 - Chapecoense x Cruzeiro

16/10 - Cruzeiro x São Paulo

20/10 - Corinthians x Cruzeiro

27/10 - Cruzeiro x Fortaleza

30/10 - Botafogo x Cruzeiro

3/11 - Cruzeiro x Bahia

6/11 - Athletico-PR x Cruzeiro

10/11 - Cruzeiro x Atlético

17/11 - Cruzeiro x Avaí

24/11 - Santos x Cruzeiro

27/11 - Cruzeiro x CSA

1/12 - Vasco x Cruzeiro

4/12 - Grêmio x Cruzeiro

8/12 - Cruzeiro x Palmeiras

Tags: seriea copadobrasil cruzeiroec internacional internacionalrs cruzeiro