América

AMÉRICA

Ainda sem renovar com América, Toscano foca exclusivamente no acesso à Série A

Jogador de 35 anos tem contrato com o Coelho até dezembro

postado em 19/10/2020 09:01 / atualizado em 19/10/2020 09:12

(Foto: João Zebral/América)

O meia-atacante Marcelo Toscano ainda não conversou com a diretoria do América para estender o contrato até 31 de janeiro de 2021, data de encerramento da Série B do Campeonato Brasileiro. O foco dele no momento é em ajudar o time a seguir firme na briga pelo acesso à elite nacional. O Coelho é o terceiro colocado, com 29 pontos - cinco de vantagem sobre o quinto Juventude - e vai enfrentar o Brasil de Pelotas nesta terça-feira, às 16h30, no Independência, pela 17ª rodada. 

“Quero focar no nosso objetivo de deixar o América mais uma vez na Série A. Estou tranquilo em relação a isso, realmente focado, tenho certeza que a gente vai conseguir o nosso objetivo. As coisas vão acontecer naturalmente. Se for da vontade de Deus, vai ser. O meu foco nesse momento é recolocar o América na elite do futebol. É só pensar nisso mesmo. O resto a gente vê lá na frente”.

Toscano retornou ao América em janeiro de 2019, com vínculo até 31 de dezembro de 2020. O jogador havia atuado entre 2016 e 2018 no futebol asiático: Jeju United, da Coreia do Sul (20 gols em 58 partidas), e Omiya Ardija, do Japão (1 gol em 33 jogos).

Em 2015, Marcelo foi protagonista na campanha de acesso do América à Série A - quarto lugar, com 65 pontos - ao marcar 14 gols em 35 jogos na segunda divisão. Seu parceiro de ataque era ninguém menos que Richarlison, do Everton-ING e da Seleção Brasileira, que anotou nove tentos em 24 apresentações no início de carreira pelo Coelho.

Naquela temporada, Marcelo Toscano provavelmente viveu um dos melhores momentos da carreira, já que balançava a rede de várias as maneiras: pé direito, pé esquerdo, cabeça, de fora da área, etc. Antes do sucesso em Belo Horizonte, o apoiador se destacou pelo Mirassol na Série A2 do Paulistão, com 13 gols em 18 rodadas.

No regresso ao Lanna Drumond, Toscano viu o aproveitamento cair significativamente: apenas cinco gols em 47 jogos. A queda nos números pode ser explicada tanto pelo posicionamento mais recuado do veterano de 35 anos quanto pela frequência menor entre os titulares. 

Ainda assim, Toscano fez gols importantes em 2020. Na última sexta-feira, converteu bela cobrança de falta na vitória por 2 a 1 sobre o Botafogo-SP, em Ribeirão Preto, pela 16ª rodada da Série B. Também em tiro livre de longa distância, marcou no triunfo de virada diante do Oeste, por 2 a 1, no Independência, pela quinta rodada (21/8).

Considerando as estatísticas gerais pelo Coelho, Marcelo Toscano marcou 19 gols em 84 jogos. Ele espera chegar à centésima partida pela equipe. “Estou muito feliz. Todos sabem do carinho e do orgulho que sinto por vestir essa camisa. Feliz também pela proximidade da marca de 100 jogos, nunca cheguei a esse número em outro clube”.

Tags: américa serieb interiormg marcelo toscano