Atlético

ATLÉTICO

Ídolo do River aprova ação de Nacho, do Galo, contra o Boca: 'Que capitão'

Meia do Atlético fez pressão junto ao árbitro, que anulou um gol do time argentino

postado em 14/07/2021 10:28 / atualizado em 14/07/2021 13:04

(Foto: Reprodução)


Ídolo do River Plate, o ex-jogador Rodrigo Mora aprovou a conduta de Nacho Fernández, do Atlético, no momento em que o Boca Juniors marcou o gol e, com a ajuda do VAR, o árbitro colombiano Andrés Rojas o anulou. 'El Cerebro' fez pressão junto à arbitragem desde o instante em que a bola cruzou a linha até a checagem do juiz no vídeo. O jogo terminou em 0 a 0.

"Toda sua, Nacho Fernández. Que capitão!", postou Rodrigo Mora no Instagram.

Mora tem dez títulos jogando pelo River Plate: Copa Sul-Americana (2014), duas Recopas Sul-Americanas (2015 e 2016), Supercopa Euroamericana (2015), duas Copas Libertadores da América (2015 e 2018), Copa Suruga Bank (2015), duas Copas da Argentina (2015-16 e 2016-17) e Supercopa Argentina (2017). Ele chegou a atuar com Nacho, com quem fez grande amizade no time argentino.

Nacho em ação



Aos 35 minutos da primeira etapa, o meia Diego González aproveitou sobra na área e cabeceou para o fundo das redes de Éverson. Após longa polêmica e muita reclamação, o árbitro colombiano Andrés Rojas foi acionado pelo VAR e anulou o tento por falta em Nathan Silva, do Galo, na origem da jogada.

O meia Nacho Fernández foi um dos mais ativos na contestação. Ele fez grande pressão ao juiz do confronto para que revisasse o lance com o auxílio da tecnologia e, enquanto Rojas assistia novamente a jogada, voltou a pressioná-lo. Em entrevista coletiva concedida após o fim do jogo, o atleta foi questionado se temia ser expulso por reclamação com a arbitragem. Enfático, o argentino garantiu que não.

"A verdade é que não. Por que motivo eu seria expulso? O árbitro não tinha a cena do VAR, então creio que tinha que esperar que assistisse para voltar ao jogo", afirmou.


Tags: galo boca futinternacional nacho var