Grêmio

CAMPEONATO BRASILEIRO

Lado a lado na tabela, Grêmio e Inter fazem clássico em busca de redenção no ano

Rivais gaúchos passaram por traumas recentes em outras competições

postado em 03/11/2019 09:10 / atualizado em 03/11/2019 09:11

<i>(Foto: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA)</i>
Se um Gre-Nal nunca pode ser considerado um jogo qualquer, o deste domingo, às 18 horas, na Arena do Grêmio, contará com um fator a mais de motivação para as duas equipes: o equilíbrio na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro.

O jogo, válido pela 30.ª rodada, colocará frente a frente duas equipes que passaram por traumas recentes em outras competições e agora tentam recuperar o ânimo pensando na próxima temporada, mais precisamente na volta à Copa Libertadores, torneio em que por pouco não se enfrentaram este ano nas semifinais - não fosse a eliminação dos colorados nas quartas de final, diante do Flamengo.

Com duas vitórias em sequência no Brasileirão depois da acachapante eliminação - também para os cariocas - nas semifinais da competição continental, o Grêmio ultrapassou o arquirrival, alcançando 47 pontos.

Do outro lado, com 46, a meta do Internacional ainda é superar a perda da vaga direta no maior torneio sul-americano após a queda na final da Copa do Brasil, contra o Athletico-PR - com quem apenas empatou, em casa, na última quinta-feira pelo Brasileirão. Desde então, o desafio passou a ser a busca pela regularidade.

O público que for ao estádio gremista neste domingo testemunhará o clássico de número 422 na história. No retrospecto geral, vantagem colorada, com 156 triunfos contra 131 dos rivais e 134 empates. No ano, porém, embora tenha prevalecido o equilíbrio, quem leva a melhor é o Grêmio: foram quatro encontros até o momento, com três empates e uma vitória azul, além da conquista do título gaúcho.

Agora 100% focado no campeonato nacional e já demonstrando maior regularidade nas últimas partidas, com vitórias expressivas frente a Botafogo (3 a 0) e Vasco (3 a 1), a equipe de Renato Gaúcho terá a oportunidade de se afirmar ainda mais na competição com os próximos dois compromissos jogados em sua arena - além do Inter, tem pela frente o CSA na rodada seguinte.

"Temos duas partidas em casa para confirmar essa boa fase e para seguirmos na briga por uma vaga na fase de grupos da Libertadores. Que a gente possa fazer dois grandes jogos com a ajuda de nossa torcida", comentou o atacante Everton.

A essa vantagem se somará a volta de algumas peças importantes, ausentes na vitória contra o Vasco em São Januário, como Geromel, Maicon e Alisson, recuperados de lesões, e Kannemann e Matheus Henrique, que cumpriram suspensão.

Nos lados do Beira-Rio, as palavras de atletas e comissão técnica não indicam menor motivação. "Temos que deixar a alma lá no campo para sairmos satisfeitos e com a vitória. Tem jogo que pode mudar nosso momento e a gente precisa voltar a vencer. Ainda mais num clássico tão importante como esse aqui no Sul", afirmou Wellington Silva.

Alternando participações como titular e reserva durante as últimas partidas, o atacante é uma das opções do técnico Zé Ricardo para este domingo, especialmente para o lugar de Patrick, que tem sido contestado pela torcida. Situação similar vive o lateral-esquerdo Zeca. Este, ao que tudo indica, perderá a vez para Uendel. No lado direito, o desfalque certo é Heitor, que, suspenso, será substituído por Bruno.

Tags: futebol Internacional Grêmio Brasileirão gremiors internacionalrs seriea nacional